"Que o Senhor vos ilumine, abençoe e vos proteja."

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

LIVROS SOBRE O BAIXO ALENTEJO













LIVROS SOBRE O BAIXO
ALENTEJO


ALENTEJO - COM ALQUEVA E LITORAL ALENTEJANO
O seu guia dos fins de semana
Livro publicado por: Guias de Lazer da Lifecooler
É muito interessante e muito útil para quem quer conhecer o Alentejo com "olhos de vêr"


DICIONÁRIO DE FALARES ALENTEJANO
Autores: Vitor Fernando Barros e Lourivaldo Martins Guerreira
Editado -Campos das Letras-Editores SA-2005
Há que manter bem viva a maneira de falar autêntica do Alentejano. Vale bem a pena ler.
COMERES ALENTEJANOS
Autora
-:-Mathilde Guimarães
-Quetzal Editores - 1994
Haverá algum alentejano que não goste de uma boa açorda,uma sopa de tomate, um ensopado de borrego, umas migas, ou um gaspacho ?
Aqui está uma boa sugestão para os que não são alentejanos e visitam a zona.
É um livro que é um gosto para o paladar.
SABORES DO BAIXO ALENTEJO
de:- Carmelita Luz e Chefe Aleixo
Edição-2008 - Editor Sopa de Letras
COZINHA REGIONAL PORTUGUESA
BAIXO ALENTEJO- Ed.Activa
Sopas e entradas de fazer crescer "água na boca"
LIVRO GUIA DO ALENTEJO
de: Alfredo Saramago
Ed- Assírio & Alvim
A ETNOGRAFIA E O FOLCLORE
no BAIXO ALENTEJO
De Manuel Joaquim Delgado Editor- Revista "Ocidente" - 1958
TRATADO DAS ALCUNHAS ALENTEJANAS
Autores:- Francisco Martins Ramos e Carlos AQlberto da Silva
Edições Colibri
A ARQUITECTURA POPULAR ALENTEJANA
Autor:-Julio Andrade dos Santos Silva
Do Dep.de Sociologia.da F.C. e H. da Univ. Nova de Lisboa - 1993
OS SABORES DO ALENTEJO
-História, Vinhos e Receitas
Auto:-Aguinaldo Záckia Albert
Editora Senac São Paulo
(de entre muitas outras)

2 comentários:

  1. Caro senhor:
    Em princípio, nunca recuso qualquer solicitação para que as minhas fotos sejam reproduzidas noutros blogues. O facto de isso acontecer, elogia o trabalho que no meu vou produzindo. Mas, francamente, reproduzir sem qualquer referência, usando inclusivamente os textos que acompanham as fotografias, é incorrer numa situação que todos nós sabemos que é tão censurável que constitui plágio que, como deve saber, está regulamentado por lei.
    Esta minha observação refere-se ao post sobre Évoramonte, na maioria constituído por fotos e textos retirados do meu blogue Entre Tejo e Odiana, como será facilmente constatável.
    Este meu reparo não a exclui a possibilidade de, no futuro, sempre que entender que é útil, vir a utilizar coisas que eu tenha feito. Apenas exijo que sejam acompanhadas da respectiva referência.

    ResponderEliminar